O que é ser maker?

Ana Clara - a Maker
Ana Clara – a Maker

Afinal, o que é ser maker? É ser especialista em invenções? É ter aptidão para engenharia? Bom, eu resolvi escrever esse artigo pra dar um pouco da minha opinião pessoal. Eu nunca escrevo coisas assim, mas hoje tem um motivo especial, explico mais adiante.

Eu pensava que ser maker era ter habilidades diferenciadas de forma que não fosse facilmente reproduzível, então chamar de “arte de pensar”. Mas eu estava enganado e gostaria de me retratar comigo mesmo. Todos podem fazer a diferença desde que se esforcem pra isso, e é o caso da minha amiga Ana Clara. Não contei como a conheci? Oh, me desculpe, eu me distraí.

Um dia eu estava entretido no facebook e de repente chegou um pedido de amizade de uma menina. Não costumo aceitar pedido de amizade de menina, ainda mais sendo jovem; fui ao seu perfil, vi fotos dela com os pais, então aceitei o pedido de amizade sabendo que se tratava de uma jovem adolescente que queria ajuda com seu projetinho de Arduino. Aí ela me fez a pergunta:

– Dá pra colocar diversos sensores ultrassonicos na cadeira? quero colocar na minha.

Eu pensei – bom, tem nerd pra tudo. Ela quer fazer uma cadeira que desvia de obstáculos, ok – Dei-lhe as orientações sem muita atenção, até que um dia ela voltou ao assunto. Ela já tinha um sensor na cadeira, mas com mais detalhes da conversa, entendi que era na cadeira de rodas. Oras, vejam só! Mas não é só uma nerd cadeirante, é muito mais especial do que isso. Colocar 1 sensor ultrassonico em sua cadeira (por conta própria, antes de me perguntar como colocar vários) já resolveu um problema sério que nós sequer pensamos existir – ela deixou de cair da cadeira por conta dos buracos na rua. Nesse ponto você já deve ter notado a limitação em sua mobilidade. Ana Clara é especial, mas em um sentido muito bom. Ela me fez sentir a importância de dar atenção desde os pequenos detalhes da vida até os grandes fatos;  e de fazer projetos aparentemente simples mas com resultados tão grandiosos. Quando perguntei sobre a incidência de tombos após o sensor ela disse:

– Funciona muito bem, depois que coloquei só caí 2 vezes.

Vejam só, algo que para nós e tão desagradável (cair), para ela tornou-se uma estatística reduzida. Ana Clara é maker. Ela criou uma solução para um problema que enfrentou, essa jovem adolescente de 15 anos dedicou-se a aprender coisas que para nós na maioria é só hobbie, mas ela atuou engenhosamente  na solução de um problema real. O que? Qual o problema da Ana Clara? Bem, talvez você tenha visto no Caldeirão do Huck. Ana Clara tem Amiotrofia Muscular Esquelética. Trata-se de uma doença degenerativa fatal. Ana Clara luta pela vida a cada dia, sonha, deseja, aprecia como todos nós, mas em uma intensidade muito maior, porque seu tempo não é igual o nosso.

Não sei se Ana Clara lerá, mas Ana, eu quis escrever essa pequena homenagem a você pelo bem que me fez te conhecer e assim te agradecer por mais essa experiência de vida. Eu queria dizer pra você e para seus pais que não contem seus aniversários como um ano a menos, mas que comemorem como uma nova vitória. Também queria te dizer que Stephen Hawking (com um problema diferente, salvo erro) não esperava viver tanto, mas está com mais de 70 e espero não só que você viva muito, mas que também se torne mais brilhante como mérito de todo seu esforço.

Se você não conhece a Ana Clara, sugiro esse video dela, por favor, assista, é lindo!

 

Comments

comments

Djames Suhanko

Djames Suhanko é Perito Forense Digital. Já atuou com deployer em sistemas de missão critica em diversos países pelo mundão.Programador Shell, Python, C, C++ e Qt, tendo contato com embarcados ( ora profissionalmente, ora por lazer ) desde 2009.