Attiny85 Digispark bem fácil

Muitas das pessoas que utilizam Arduino não gostam muito de variar a board, outros tantos não tem recursos financeiros para variar tanto quanto gostaria, mas ter uma Attiny85 Digispark serve bem para esses dois públicos específicos, porque além de ser muito barato, é um hardware bastante simples e de fácil domínio, além de ser uma bela diversão brincar com algo tão minimalístico.

Você encontra essa board da Digispark em 2 modelos; uma conexão micro USB fêmea para conexão com cabo e a conexão direta da board com a porta USB, bastante prático. Tenho ambas, adquiridas de diferentes vendedores e tenho uma terceira peça que é do parceiro Autocore Robótica.

Onde comprar





E adivinha? O produto ainda não entrou na loja do parceiro, então vou sugerir que voê aguarde o próximo post para adquiri-lo, assim já integro algo funcional à board e você poderá adquirir tudo junto. Não se desespere para comprar, sério, aguarde porque valerá a pena.

Pinout

Essa board dá um recurso essencial para você, caso deseje ampliar os recursos da placa; o I²C. Utilizando I²C você poderá expandir o GPIO para até 127×8 pinos, utilizando módulos como o PCF8574. No próximo post relacionado vou mostrar esse recurso, mas se quiser ver algo parecido, já fiz os testes com Raspberry Pi e ESP8266.

Digispark Pinout | Attiny85 Digispark
Digispark Pinout | Attiny85 Digispark

Os recursos do Attiny85 estão dispostos no esquema acima.

Powering

Está bastante óbvio que ele funciona conectado diretamente a 5V, hum? Afinal, ele já é praticamente um conector macho – e o legal disso – dá pra criar um dispositivo de segurança interagindo com o computador. Ou ainda, um projeto entre Arduino e Raspberry, sendo o mais discreto possível. Ou mais ainda, um projeto entre o VoCore 2 e o Digispark, onde você pode expandir seus recursos mantendo o tamanho compacto!

Adicionado o Attiny85 Digispark à IDE do Arduino

Quase tão direto como as demais boards Arduino, você simplesmente deve adicionar a placa às demais placas disponíveis na sua IDE do Arduino.

Entre em Files->Preferences e coloque:

Em Aditional Boards Manager URL. Posteriormente, vá em Tools->Board->Boards Manager e procure por “Digistump AVR Boards”, então instale. Calma, estamos no penúltimo passo antes de iniciar uma programação simples.

Vá em Tools->Boards e selecione “Digispark (Default 16.5MHz)”. Pronto, agora você já pode codificar, mas para subir o código, lembre-se de proceder da seguinte maneira; escreva o código, compile e, com o cabo USB desconectado, faça o upload. Conecte o cabo quando solicitado. Só isso! Veja no rodapé da janela de compilação o que você verá:

Upload para o Digispark | Attiny85 Digispark
Upload para o Digispark | Attiny85 Digispark

Um pequeno código para o “hello world”:

Boa diversão, hum?

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (120 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

 

Inscreva-se no nosso newsletter, alí em cima à direita e receba novos posts por email.

Siga-nos no Do bit Ao Byte no Facebook.

Prefere twitter? @DobitAoByte.

Inscreva-se no nosso canal Do bit Ao Byte Brasil no YouTube.

Nossos grupos:

Arduino BR – https://www.facebook.com/groups/microcontroladorarduinobr/
Raspberry Pi BR – https://www.facebook.com/groups/raspberrybr/
Orange Pi BR – https://www.facebook.com/groups/OrangePiBR/
Odroid BR – https://www.facebook.com/groups/odroidBR/
Sistemas Embarcados BR – https://www.facebook.com/groups/SistemasEmbarcadosBR/
MIPS BR – https://www.facebook.com/groups/MIPSBR/
Do Bit ao Byte – https://www.facebook.com/groups/dobitaobyte/

Projetos Arduino e Eletrônica – https://www.facebook.com/groups/projetosarduinoeletronica/

ESP8266 BR – https://www.facebook.com/groups/ESP8266BR/

Próximo post a caminho!

Djames Suhanko

Djames Suhanko é Perito Forense Digital. Já atuou com deployer em sistemas de missão critica em diversos países pelo mundão. Programador Shell, Python, C, C++ e Qt, tendo contato com embarcados ( ora profissionalmente, ora por lazer ) desde 2009.